PortuguêsEnglish
Vale do Lima - Terra de Riquezas

Contactos:

Brochura Vale do LimaDossier ADRIL
Descubra o vale do Lima

 Viana do Castelo

 Fica no Coração…

Visita o Vale do LimaConhecida pelo cognome de "Princesa do Lima", Viana do Castelo estende-se entre o mar e o rio Lima, num amplo vale delimitado, a norte, pelo monte de Santa Luzia.

Desde sempre marcadamente piscatória, a cidade associou-lhe o comércio marítimo com o Norte da Europa (e posteriormente com o Brasil), tornando o seu porto num dos mais movimentados de todo o país.

A Viana do Castelo ficou também ligada a grande epopeia dos Descobrimentos, através de personalidades como Gonçalo Velho, um dos primeiros navegadores do Infante D. Henrique.

Viana ainda vive orgulhosa de um passado recente, mas voltada para o futuro: o novo porto comercial, na margem esquerda; a recuperação da ponte Eiffel e construção duma nova ponte sobre o Lima a valorizar a A28, dão um novo movimento à região; o polígono industrial e o Ensino Superior; a nova doca de recreio, a Marina, o complexo turístico da beira-rio; o centro histórico revivendo-se nas ruas velhinhas de séculos; a nova frente ribeirinha com edifícios projectados pelos prestigiados arquitectos Fernando Távora, Souto Moura e Siza Vieira, são motivos de sobra para visitar a Foz do Lima.

Para mais informações: www.cm-viana-castelo.pt


GIGANTE DO VALE DO LIMA – O DESCOBRIDOR: JOÃO ÁLVARES FAGUNDES

João Álvares FagundesVianense que ficou conhecido como um dos primeiros exploradores da Terra Nova, no Atlântico Norte. Pertencente a uma família de proprietários fundiários, com destacados membros da hierarquia eclesiástica da região, J. A. Fagundes era de condição nobre e foi cavaleiro da Casa Real e vereador municipal em Viana do Castelo. Em data imprecisa, mas antes de 1521, realizou uma viagem ao Atlântico Norte que lhe valeu carta régia de D. Manuel, datada de 13 de Março de 1521, concedendo-lhe a capitania das terras que «à sua própria custa e despesa» descobrira: «a terra que se diz ser de terra firme que é desde a demarcação de Castela (...) até vir partir com a terra que os Cortes Reais descobriram», «as três ilhas na baía da Aguada», «as ilhas a que ele pôs nome Fagundas (...) S. João, S. Pedro, Santa Ana e Santo António», as ilhas dos arquipélagos de S. Pantalão (com a ilha de Petigoem) e das Onze Mil Virgens, e ainda a ilha de Santa Cruz e uma outra também designada Santa Ana «que foi vista e não apadroada». Os vários estudos feitos para reconstituir o itinerário seguido por J. A. Fagundes, baseados em dados cartográficos e na relação entre o calendário litúrgico e a toponímia das ilhas e grupos insulares referidos na carta régia, apontam para que ele tenha explorado o sul da costa da Terra Nova e toda a área do golfo de S. Lourenço. Unanimemente se reconhece que esta viagem assegurou a Portugal os direitos sobre importante zona de pesca do bacalhau.

Pensa-se que J. A. Fagundes não voltou às terras de que era capitão; no entanto, é bem provável que, com sua autorização, segunda expedição tenha partido de Viana. Nesse sentido aponta o testemunho de Francisco de Sousa, um seu descendente, autor do Tratado da Ilhas Novas, escrito em 1570: «Haverá 45 anos ou 50 que, de Viana, se ajuntaram certos homens fidalgos e, pela informação que tiveram da Terra Nova do Bacalhau, se determinaram a ir povoar alguma parte dela, como de facto foram em uma nau e uma caravela, e, por acharem a terra muito fria donde iam determinados, correram para a costa Leste Oeste até darem na de Nordeste Sudoeste e aí habitaram (...) e isto é no cabo Britão, logo na entrada da costa, que corre ao Norte em uma formosa baía, donde tem grande povoação e há na terra cousas de muito preço». A povoação em causa situar-se-ia, segundo alguns investigadores, na baía de Fundy e, segundo outros, na ilha de Cape Breton.

Maria Augusta Lima da Cruz

JOÃO ÁLVARES FAGUNDES – O Capitão da Terra Nova

 “Capitão da Terra Nova e descobridor das Ilhas do Bacalhau”
João Álvares Fagundes, era natural de Viana, filho de Álvaro Anes Fagundes, e deve ter nascido aí por 1470, em plena época dos descobrimentos.
A Viagem de João Álvares Fagundes, de que há conhecimento certo, “deve ter sido realizada de Abril a Outubro de 1520” (data referida no pedestal da sua estátua existente em Viana do Castelo, junto ao Rio Lima).
“… morreu seguramente antes de 1527…”
“… jaz sepultado na Igreja Matriz de Viana do Castelo, na Capela de Santo Cristo. Na mesma igreja, na Capela dos Fagundes, estão as sepulturas de seu neto D. Cosme de Sousa e do pai deste D. João de Sousa.”
“Por sua morte, D. João III, por alvará régio de 9 de Setembro de 1527, deu fôro de nobreza e carta de brasão a seu sobrinho Pêro Pinto em quem honrava os feitos marítimos de seu tio, João Álvares Fagundes.”
“Fagundes teve uma parte na exploração da costa da América Britânica muito maior do que até aqui tem sido admitido ou apreciado,…”

Câmara Municipal de Viana do Castelo

ROTA DOS GIGANTES EM VIANA DO CASTELO

Locais de Visita

Visite o Vale do LimaCentro Histórico
Hospital Velho
Praça da Republica / Antigos passos do Concelho (Vereador da Câmara de Viana da Foz do Lima)
Igreja da Misericórdia
Rua Grande (local de nascimento)
Casa de João Velho ou dos Arcos (Antiga Alfandega)
Sé de Viana do Castelo (Capela dos Navegantes e Tumulo da família)
Capela das Almas
Estátua de João Alvares Fagundes (junto ao Coliseu e Navio Gil Eanes)
Capela de Sta. Catarina da Ribeira (origem da Confraria dos Mareantes)
Castelo de Santiago da Barra
Mosteiro de São Bento
Convento de Santa Ana


A não perder

Visite o Vale do Lima Gastronomia:
Bacalhau à Viana
Sidónios da Brasileira
Meias Luas do Natário
Bolas de Berlim
Vinho Verde Terras de Geraz, Quinta do Abade, Solar de Merufe e Sobrinho do Arcipreste

Museu do Traje

Bordados certificados de Viana

Monte de Santa Luzia

Funicular a Santa Luzia

Lugar da Passagem (Geraz do Lima)

Museu dos Carros de Cavalo (Quinta da Bouça – Geraz do Lima)


"Rota activa"

Desportos Náuticos, Marítimos e Fluviais

Praia selvagem do Canto Marinho

Trilho dos moinhos de vento de Carreço e S. Lourenço

Passeios a cavalo


Onde comer

Onde dormir



Para Alojamento e marcação da Rota, consultar:
CENTER – Central Nacional do Turismo no Espaço Rural
Tel: 258 931750 ou info@center.pt
www.center.pt I www.solaresdeportugal.pt
www.casasnocampo.net I www.aldeiasdeportugal.pt

Voltar ao Mapa I Continuar a Rota